SANTANDER INICIA A COMPRA DA USP

Publié le par Fórum da Ocupação

Publicamos na íntegra texto extraído do site da USP, que fala da recente parceria entre esta Universidade e o banco Santander. Pelo que se pode perceber o Santander faz na USP o que não teria coragem de fazer na Europa, assim, aos poucos vai corroendo à Universidade. Claro, tudo isto com a conivência e participação de nossos ilustres dirigentes colonizados.
Antes de irmos direto à matéria, e a respeito dela, vale ressaltar o que um professor apropriadamente nos lembrou:
"Não se perca o significante: Emilio BOTIN* é  realmente motivado, Saussure está errado."

[*] Presidente mundial do Grupo Santander



Convênio
entre USP e Santander aumentará oferta de bolsas e cursos de espanhol

A USP e o Grupo Santander assinaram na manhã de hoje (15) um acordo de cooperação para ampliar a oferta de bolsas de estudo em universidades da América Latina, Portugal e Espanha e de cursos de espanhol para professores, alunos e funcionários da Universidade. Durante a solenidade, realizada na Reitoria da USP, também foi assinado convênio entre o Santander e a Rede de Macrouniversidades da América Latina e Caribe para a concessão de 100 bolsas de mobilidade internacional para professores universitários.

A assinatura dos convênios aconteceu às 9h30, no Salão de Atos da Reitoria. A reitora Suely Vilela recebeu o presidente do Grupo Santander, Emilio Botin, e o presidente do Santander no Brasil, José Paiva. Como presidente da Rede de Macrouniversidades, Suely assinou convênio em nome da entidade. Estiveram presentes os Pró-Reitores de Graduação, Selma Garrido Pimenta, de Pesquisa, Mayana Zatz, de Pós Graduação, Armando Corbani Ferraz, e de Cultura e Extensão, Ruy Altafim, e diretores de unidades de ensino e pesquisa da USP. Também compareceram diretores do Santander e estudantes beneficiados pelas bolsas de estudo apoiadas pela empresa desde 2006.

Emílio Botin saudou as iniciativas da USP nas áreas de internacionalização e transferência de conhecimentos para a sociedade. "Cooperar com as universidades é uma opção estratégica do Santander, pois a educação é o melhor investimento", disse. Em seguida, o vice-presidente da Comissão de Cooperação Internacional da USP, Ignácio Maria Poveda Velasco, apresentou os principais pontos do convênio. O acordo prevê a concessão de 20 bolsas de intercâmbio para professores em universidades da América Latina, Portugal e Espanha, no Programa de Cátedras Ibero-Americanas.

Ao mesmo tempo, terá continuidade o programa de auxílio para alunos brasileiros estudarem em Portugal, com 20 bolsas para a USP. O curso on-line de espanhol Vale! , já cursado por alunos e funcionários de modo experimental, será ampliado com mil bolsas para professores, num total de 4.000 beneficiados até 2010. O Santander também apoiará a entrega de 180 mil cartões inteligentes para alunos, professores e funcionários, que facilitará a identificação e o acesso à USP, além de fornecer informações de interesse da comunidade acadêmica.


Internacionalização

Após a assinatura dos convênios, a Reitora da USP apresentou os resultados do acordo macro de cooperação assinado com o Santander em 2006. "Foram concedidas mais de 700 bolsas de iniciação científica para alunos de graduação, e está em andamento o edital para bolsas de pré-iniciação científica, voltadas para alunos do ensino médio", relatou. O Convênio Luso-Brasileiro, que será renovado, atendeu 15 estudantes da USP num total de 175 universitários brasileiros que estiveram em universidades de Portugal.

Suely ressaltou os resultados do programa Vale!, que atendeu inicialmente alunos e funcionários ligados aos setores de cooperação internacional. "Em relação a outros cursos de idiomas à distância, o Vale! apresentou um desempenho 20% superior nos exames de proficiência, com um tempo de aprendizado 35% menor e desistência de apenas 5%", apontou. Também foi destacado o auxílio para bolsas nacionais e de mobilidade internacional, e após a cerimônia, o apoio dado a Orquestra de Câmara (Ocam) da USP.

A Reitora declarou que o acordo entre o Santander Universidades e a Rede de Macrouniversidades da América Latina e Caribe permitirá que os professores ampliem o intercâmbio com as 32 instituições pertencentes a rede, por meio de 100 bolsas de mobilidade internacional. "Estes apoios servem como agentes facilitadores para as universidades enfrentarem seus desafios", observou. O Grupo Santander deverá participar de um acordo com a Associação das Universidades Russas, visando fornecer 200 bolsas para professores brasileiros.

No final da solenidade, Suely Vilela anunciou os entendimentos entre a USP e o Santander para a implantação de um projeto de esporte universitário, focado no vôlei. "Queremos estimular a prática esportiva na Universidade, tendo como exemplo as instituições estrangeiras que alcançam resultados significativos, inclusive em competições profissionais", afirmou. Nos próximos dias, o ex-jogador de vôlei Montanaro, ligado a área esportiva do Santander, deverá estar na Reitoria para discutir os termos da parceria.

A cerimônia foi acompanhada por quatro alunos da USP que se beneficiaram com as bolsas do Santander. Bruno Augusto Souza de Medeiros, aluno do sexto ano de graduação em Biologia, esteve na Universidade de Córdoba (Argentina) cursando um semestre de graduação e fazendo estágio na área de biologia reprodutiva de insetos. Mariana Nunes La Paz, aluna de Veterinária, fez um semestre da Universidade de Santiago de Compostela (Espanha), onde também realizou um curso de espanhol.

"Agradeço imensamente a oportunidade, pois foi um período de grande crescimento intelectual e pessoal", relatou Mariana. "É uma iniciativa valorosa do Santander, da USP e das universidades que nos recebem. Muito obrigada". Também compareceram duas alunas de pós-graduação. Daniela Wanzel, da Faculdade de Saúde Pública (FSP) esteve na Escola Andaluza de Saúde Pública em Granada (Espanha), onde aprendeu métodos estatísticos para sua tese de doutorado sobre aleitamento materno. Ticiane Fagundes, da Faculdade de Odontologia (FO), realizou estudos em Granada sobre material odontológico restaurador.


fonte:
http://www4.usp.br/index.php/institucional/42-institucional/14572-convenio-entre-usp-e-santander-aumentara-oferta-de-bolsas-e-cursos-de-espanhol




Commenter cet article